26 dicas para economizar dinheiro

A vida é cheia de surpresas e economizar é sempre um bom negócio. Se você deseja ter uma vida financeira saudável, precisa equilibrar as contas, quitar as dívidas e economizar dinheiro.  Para te ajudar nessa missão, listamos mais de 20 dicas práticas de como economizar o seu dinheiro e poder alcançar suas metas e realizar seus sonhos o mais rápido possível.

Por que economizar dinheiro é importante?

A vida é cíclica e irão ocorrer tempos bons e ruins. Para que você possa passar pelo momentos financeiros ruins com mais tranqüilidade, é necessário se preparar com antecedência e ter uma reserva de emergência. Além disso, poupar dinheiro te ajudará a ter um padrão de vida mais estável e a alcança suas metas mais rápido.

#1 Registre e organize as suas despesas

O primeiro passo para economizar é saber exatamente para onde seu dinheiro esta indo e identificar onde poderá “fechar a torneira”. Para isso, faça um planilha com todos as suas despesas. Nela, você deve registrar todo o dinheiro que ganha e com o que gasta.

Escolha uma ferramenta de controle, seja ela, um aplicativo de celular, planilha impressa ou no excel. É importante que você tenha uma visão ampla da sua vida financeira. Dessa forma, ficará mais fácil criar metas para seus gastos, dividindo-as por categoria:

  • Gastos essenciais (55% da renda): Liste tudo o que você não vive sem. Desde as contas da casa, até o salão de beleza. Se para você é importante, tem que caber no orçamento. Se o que você considera essencial não cabe nos 55% do seu salário, você está vivendo uma vida que não é sua, um padrão de vida muito alto para sua realidade. Reavalie suas prioridades.
  • Investimentos em metas de médio e longo prazo (35% da renda): Todas as suas metas e o quanto pretende reservar para cada uma delas.
  • Renda livre(10% da renda): Reserve um parte do seu dinheiro para você poder fazer o que quiser. Deixar essas porcentagem livre para qualquer coisa.

Alguns dos aplicativos de gastos para auxiliar o seu controle financeiro são: GuiaBolso, Organizze, Minha sEconomias, Mobills, Wally, Money Care, Grana, entre outros.

#2 Pague as contas no mesmo dia

Pagar juros e multas por conta de atrasos por esquecimento é a pior forma de gastar o seu dinheiro. Para fazer com que isso não aconteça, mude as datas de vencimento de todas as suas contas fixas, concentrando-as em uma única data, de preferência, logo após o dia do recebimento do seu salário. O ideal é que você escolha de 3 a 5 dias após o seu pagamento pois, pode ocorrer alguma atraso, problema no banco, ser feriado ou final de semana e você, acabar perdendo o prazo. Dessa forma, assim que seu dinheiro entrar na conta, você poderá quitar todas as despesas fixas, conseguindo se organizar com mais facilidade.

#3 Converse com sua família sobre dinheiro

O tema finanças deve fazer parte dos diálogos entre você e sua família, principalmente se você tiver filhos. Eles devem ser seus aliados na hora de economizar. Deixar a família a par das suas metas e necessidade de economizar, deixará o caminho mais fácil, ainda mais quando você precisa reorganizar as finanças familiares, pagar dívidas, para só depois começar a economizar.

#4 Deixe o cartão de crédito de lado

O cartão de crédito aumenta o seu poder de compra e com isso te dar a falsa impressão de que você tem uma renda superior a sua realidade. Um estratégia para economizar é deixar de usar o cartão de crédito, principalmente em compras parceladas e dar preferência para pagar tudo a vista.

Leve consigo, seja no supermercado ou shopping, somente o valor que planejou e pode gastar, isso evitará que você gaste seu dinheiro com besteira e compras por impulso. Entenda que comprar coisas que são dispensáveis, que você não precisa de verdade, ou que pode ficar sem, pode te trazer um prazer momentâneo e, junto, vários problemas. Nesse momento, você deve priorizar seus objetivos financeiros.

#5 Nunca compre antes de pesquisar

Se você está realmente precisando de algo, é importante pesquisar antes de comprar. O mercado é muito amplo e a concorrência faz com que os preços variem muito. Use a internet ao seu favor, pesquise os preços nas lojas virtuais e nas lojas físicas. Outra dica é avaliar se não vale a pena consertar, por exemplo, uma máquina de lavar roupas que deu defeito, ou uma TV. As vezes, o valor do reparo é muito mais em conta do que comprar uma nova.

#6 Apague as luzes e economize na conta

Economizar energia irá fazer uma grande diferença no final do mês. Por isso:

  • Sempre apague as luzes ao sair do cômodo;
  • Desligue da tomada os aparelhos que ficam em stand-by (aquela luzinha acessa) quando não estiver usando;
  • Troque o relógio do microondas por um de ponteiro a pilhas. Só ligue-o na tomada quando for usar;
  • Troque as lâmpadas por fluorescentes ou LED, elas são bem mais econômicas do que as amarelas comuns;
  • Nunca seque roupas na grade traseira da geladeira, isso acaba forçando ainda mais o motor;
  • Abra a geladeira o mínimo possível e não guarde alimentos quentes. Isso irá evitar oscilações de temperatura dentro da geladeira e que o motor trabalhe mais;
  • Junte a maior quantidade de roupas possível e escolha um dia para lavar e passar;
  • Aposente sua secadora de roupas, seque as roupas no varal;
  • Nunca durma com a Tv ligada, além de fazer mal a qualidade do seu sono, estará gastando energia desnecessária. Caso deseje, utilize a função soneca, programando para a Tv desligar em alguns minutos;
  • Escolha tons claros para pintar as paredes de sua casa, isso deixará os ambientes mais claros, evitando o uso de muitas lâmpadas;
  • Evite banhos demorados e coloque a chave na posição verão, além disso, limpe os buracos por onde sai a água, isso irá aumentar a vazão de água e economizar até 30% de energia;
  • Evite usar extensões, benjamins e transformadores, eles desperdiçam energia;
  • Reúna a família na sala e assistam junto a um mesmo programa, além de fortalecer os laços familiares irá evitar gastos com mais de uma TV ligada.

#7 Escolha um pacote de TV mais barato

Hoje temos diversas opções de entretenimento sejam as Tvs a cabo, serviços de streaming como Netflix e Amazon Prime, youtube, etc. Além disso, muitas operadoras de internet possuem pacotes promocionais com TV e telefone fixo. Por todos esses motivos, é importante que você pesquise bastante a melhor opção para você e sua família. Muitas vezes, você acaba optando por pacotes de tvs mais caros, ou por mais pontos de acesso ao serviço de streaming que não usa. Opte por pacotes que realmente encaixarão no seu orçamento e atenderão as suas necessidades.

#8 Escolha programas mais baratos ou gratuitos

Você não irá precisar ficar trancado em casa para conseguir economizar. Troque o restaurante por um jantar em sua casa ou de algum amigo; a balada por um filme e pipoca no sofá; Leve o seu cooler e cadeira para praia; escolha programas mais baratos e fique de olho na agenda de eventos de sua cidade, sempre acontecem eventos gratuitos, bem legais e interessantes. Abrir mão das saídas mais badaladas, dará um grande impacto positivo nas suas finanças.

Outra dica legal é usar cupons de desconto dos oferecidos em diversos sites, esses cupons são para restaurantes, shows, clínicas de estética e programas culturais.

#9 Troque a academia por uma mais barata

Na hora de economizar vale tudo, inclusive abrir mão de uma academia mais chique e cara, por uma mais simples e barata, que irá atender as suas necessidades da mesma maneira. Evite pagar pacotes anuais ou semestrais se você realmente não tiver certeza que irá frenquentar, dessa forma, o que poderia ser uma economia, acaba se transformando em desperdício de dinheiro.

Você pode também deixar de pagar a academia e fazer atividades ao ar livre coo corridas, caminhadas, por exemplo.

#10 Evite comer fora

Comer em restaurantes costuma ser muito mais caro do que comer em casa, por isso, a dica é preparar em casa e levar sua comida para o trabalho, além de econômico, será muito mais saudável. Aproveite uma horinha de sua folga para preparar as comidas, organiza-las em marmitas e congelar para usar durante toda a semana, por exemplo.

#11 Faça você mesmo

Sempre que possível, prefira resolver as coisas sozinhos ao invés de contratar um serviço. Faça você mesmo a faxina da sua casa, ou diminua a quantidade de vezes que você solicita o serviço, mantendo a casa limpa e organizada entre uma faxina e outra.

Faça você mesmo os pequenos reparos que sua casa precisa como trocar resistências, lâmpadas, pintar uma parede, etc. Como fazer, passo a passo, o que precisa, você pode encontrar facilmente na internet. Use o Youtube ao seu favor.

#12 Cancele a assinatura de jornais e revistas

Hoje em dia você encontra absolutamente tudo na internet (e de graça!). Além de economizar dinheiro, será bem mais prático, pois você tem o conteúdo ao alcance de suas mãos, através do seu smartphone.

#13 Crie uma “poupança mensal”

Se você não tem dívidas, não deixe dinheiro parado na conta corrente. Crie uma “poupança mensal”, enviando dinheiro para os seus investimentos. Se você não sabe como começar a investir leia nosso artigo: Dicas de como começar a investir.

#14 Opte por remédios genéricos

Os genéricos são muito mais baratos e tão eficazes quanto os remédios que carregam o nome de grandes marcas de laboratórios. Sempre peça ao seu médico que te prescreva remédios genéricos e na farmácia, solicite a ajuda ao farmacêutico, seguindo o princípio ativo indicado na receita.

#15 Troque os galões de água mineral por um filtro

Compre um filtro de água e deixe de gastar dinheiro com galões de água mineral. No mercado, você encontra modelos bem simples, de fácil instalação, como o de barro, até mesmo purificadores de água, que filtram e gelam a água da torneira.

#16 Opte por um celular pré-pago

Atualmente, o principal meio de comunicação utilizado é o aplicativo whats App, caindo em desuso a necessidade de efetuar ligações. As operadoras de celular oferecem diversos planos pré-pagos, com o uso ilimitado e gratuito da internet para aplicativos de rede social como facebook e whats App, o que acaba deixando o plano pós-pago desinteressante e desnecessário.

#17 Priorize o pagamento das dívidas

Antes de começar a juntar dinheiro, você precisará equilibrar as contas e eliminar as dívidas. Não adianta nada economizar e deixar as dívidas de lado. Elas costumam ter juros altíssimo que não compensarão nenhuma economia ou investimento que você faça. Por isso, organize seu orçamento, identifique as dívidas, entre em contato com os credores e, se necessário, faça um acordo, negocie os juros cobrados e quite suas dívidas.

#18 Sempre peça desconto

Na hora de comprar algo ou contratar algum serviço, que realmente seja necessário e indispensável, você deve pesquisar. Após a sua pesquisa, o ideal é que você negocie um menor valor, pedindo desconto. Prefira pagar a vista, além de não acumular contas é muito mais fácil conseguir maiores descontos.

#19 Aprenda a dizer não

Não adianta ajudar, se você estiver se prejudicando. Por isso, não assine rifas ou compre nada só para ajudar um amigo, não empreste dinheiro, cartões ou seu nome para financiar nenhuma compra de terceiro, você precisa entender que problemas acontecem e a capacidade de pagamento dessa pessoa pode ser comprometida e seu nome também, trazendo muitos problemas.

#20 Calibre os pneus do seu carro

Com os pneus sempre calibrados você estará aumentando a vida útil deles e diminuindo os gastos com combustível. Por isso, separe uns minutinhos na semana para calibrar seus pneus ao ir abastecer o tanque.

#21 Vá de transporte público para o trabalho

Ponha no papel o seu gasto semanal com o uso do carro para ir trabalhar e veja a possibilidade de substituir o carro pelo transporte público, ou até mesmo, por uma bicicleta. Os custos com gasolina e estacionamento podem se mostrar muito mais superiores do que você imagina e, usar o ônibus, metrô ou bicicleta pode ser uma opção muito mais viável que te fará economizar muito. Além disso, de quebra, você já estará se exercitando.

Caso não tenha como ir de transporte público, uma dica útil é dividir o uber ou, até mesmo faturar uma renda extra cobrando pela carona em seu carro.

#22 Pare de fumar e/ou beba menos

Faça as contas. Além de ser um hábito que demanda muito gasto financeiro, é péssimo para sua saúde. Considere parar de fumar e beber menos, isso irá fazer com que você economize muito.

#23 Troque sua conta tradicional por uma conta digital, elas são gratuitas

Os bancos tradicionais oferecem contas correntes com cobranças de tarifas mensais e taxas por pacote de serviços e serviços avulso. Graças a tecnologia e a internet, hoje já podemos contar com contas 100% digitais e gratuitas, onde diversas instituições financeiras oferecem contas correntes e demais serviços bancários, sem a necessidade de pagar por nenhum serviço, como TED, DOC, pagamentos, entre outros. Elimine esse custo da sua vida e troque de banco.

#24 Participe de sorteios e promoções

Diversas marcas lançam promoções e sorteios durante todo o ano, aproveita essas oportunidades e se inscreva nesses sorteios. Se a sorte estiver do seu lado, você poderá multiplicar o seu patrimônio, se aproximando ainda mais rápido dos seus objetivos.

#25 Economize no supermercado

Nunca vá com fome ao mercado, a fome faz com que você compre comida a mais, o ideal é ir alimentado e com uma lista de comprar na mão.  Vá a redes de supermercados que vedam por atacado, essas lojas costumam oferecer preços muito mais me conta. É interessante que você abra mão das grandes marcas famosas e escolha produtos de boa qualidade e marcas menos conhecidas, além de sempre fazer as contas para saber quando irá valer a pena levar um produto com maior ou menor quantidade. Isso fará você economizar bastante nas compras essenciais.

#26 Ganhe renda extra

Se as suas contas não batem é necessário tanto diminuir os gastos para se enquadrar no seu orçamento, quanto aumentar sua renda. Procure um meio de diversificar a maneira de ganhar dinheiro, vendendo algum produto, por exemplo. Existem muitas formas de ganhar dinheiro extra sem precisar investir muito tempo ou dinheiro. Analise suas aptidões e pense em como fazer dinheiro com o que você sabe, vendendo o que você não usa mais, ou até mesmo alugando a sua garagem, entre outras mil e uma coisas que você pode fazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *